da Perseverança

Li este texto no blog do Fr Amduscias: O Cavaleiro de Espadas, e não pude deixar de publicá-lo aqui:

“O Adepto que trilha a Senda caminha sobre o fio de uma navalha.”

Não pode precipitar-se a passos largos, pois o menor descuido é fatal. Igualmente, não pode caminhar de volta, uma vez que retroceder é loucura, e olhar para trás, impossível.

Assim como o curso de um rio, segue em direção ao Mar. E é assim,como um rio, e não como uma enxurrada violenta, que ele esculpe a montanha, em seu curso.

Aqueles que começam a enveredar-se pelos mistérios maiores devem ser capazes de atentar tanto para dentro de si, quanto para o Universo que os cerca. O ponto de equilíbrio é tão sutil quanto dificultoso de ser obtido, e uma das chaves para este é a PERSEVERANÇA.

perseverança é como uma planta: necessita de atenção e cuidados. Uma bela flor requer água e sol em quantidade exata; minerais e adubos de tempos em tempos; paciência e perseverança. Ora, todos estes processos só podem ser mantidos com dedicação e amor.

Da mesma forma, este processo pode ser observado em relação à Jornada. A cada ano que passa, vemos muitos que começam avidamente, cuidando de seus jardins e gritando aos quatro ventos quão belas serão suas flores. Mas aos poucos seu jardim é tomado pelo mato. As flores sequer estão em botões, e já não recebem mais água ou estão murchas pelo sol em demasia. Isso, quando não são sufocadas pelas ervas daninhas…

Querer ou planejar ter um jardim é simples. Montar jardins à esmo, sem nenhum planejamento é igualmente fácil. No primeiro caso, se não for executada, a idéia morre no projeto. No segundo, extingue-se pela falta de cuidado e dedicação.

Cada um de nós tem facilidades, habilidades, ou dons, que podem ser analisados através dos elementos. Alguns tem mais afinidade com o elemento água; outros, com a terra ou fogo. Em maior ou menor grau, portanto, todos nós enfrentamos dificuldades ao lidar com nossos elementos em carênciaO Adepto sabe disso, e ali embasado, busca o equilíbrio.

Pessoas aéreas concebem o mais belo jardim em minutos, mas não saem do projeto; os ígneos, não perdem tempo em iniciar dezenas de jardins ao mesmo tempo, porém nenhum é terminado – e por aí seguem os exemplos.

Quando nos empenhamos em algo com paciênciaperseverança eamor, somos capazes de transcender estas carências. Quando aceitamos os erros como parte do aprendizado, e as dificuldades como motivações, o resultado é certo: sucesso. Devemos sempre nos lembrar de que as melhores espadas são forjadas no calor do fogo, sob o peso de centenas de marteladas. Da mesma forma, a vida que não tem dificuldades é uma vida estagnada e sem valor.

Sempre que ouvimos a palavra DOR, lembramos de algo ruim. Mas isso só acontece por causa de uma visão simplista, característica do mundo ocidental. Nos esquecemos de olhar o outro lado da moeda… e assim, não percebemos que o crescimento é dor. Que o nossoprofessor não são os momentos de felicidade, mas sim os de dificuldade.

É somente através de práticas contínuas (e exaustivas) e da observação interior, que poderemos fazer nossa perseverança ter valor verdadeiro. E assim, através deste proceder, queaparentemente nos acorrenta, é que estaremos caminhando para uma verdadeira liberdade, e alçando vôos cada vez mais altos na direção do horizonte.

Um Guia é Só Um Guia

Há muitas constantes no que tange estudos, dedicação e todos os caminhos do meio ocultista: os Guias, mestres e professores (não obstante todas as palavras são sinonimos entre si).

Segundo o DicionárioWeb. Temos:

Mestre
Professor de grande saber e nomeada.
P. ext. O que é perito ou versado em qualquer ciência ou arte.
Oficial graduado de qualquer profissão: mestre pedreiro, mestre carpinteiro.
Comandante de pequena embarcação.
O que tem o terceiro grau na maçonaria.
Fig. Tudo aquilo que serve de ensino ou de que se pode tirar alguma lição: o tempo é um grande mestre.
Chefe ou iniciador de um movimento cultural. Continuar lendo

O Sentido e o Sentir

Mais dias se passaram desde minha ultima postagem de fato no blog, muita coisa passou, muitos sentimentos voaram de um lugar ao outro. Tudo seguiu seu rumo como deveria ser.

Passei dias pensando no que escrever, um certo hábito interessante que normalmente morre no stress do meu emprego profano. Ossos do oficio é o que dizem.
Apesar de lutar contra o fato, ou ao menos da denominação, sou um artista, e como tal preciso de inspiração, motivação ou qualquer coisa que valha a pena criar, que me faça sentir aquela velha coceira nos dedos, e o sentimento irrefreável de buscar a lapiseira, o teclado, o teto do quarto para onde fogem os olhares deitado esperando o sono dominar o corpo. Impossivel registrar tudo, as vezes até impossivel de pensar em tudo o que vem à mente. Todo excesso passa.
Continuar lendo

II Simpósio de Hermetismo – Programação

A Programação deste ano será composta de Palestras e Workshops com alguns dos mais importantes estudiosos de Hermetismo, Ordens Iniciáticas e Magia no Brasil.
Continuar lendo

II Simpósio Brasileiro de Hermetismo e Ciências Ocultas.

http://simposiohermetismo.com.br/

O Hermetismo abrange um conjunto de teorias e práticas conhecidas pela humanidade há milhares de anos. Primam por desvendar o que está além da ciência tradicional, procurando descortinar os segredos do universo e do ser humano. É um assunto que sempre intrigou diversos seres humanos, mas esteve sempre oculta ao debate científico.
Continuar lendo

do Equilibrio

Passei a semana toda em tentar escrever outro dos artigos longos onde me perco no meio do assunto para falar de qualquer coisa, mas no final virou apenas um recado:

Muito se busca, muito se deseja e tudo muito rápido, tudo antes mesmo de se saber o que se quer e não são poucos os exemplos que eu poderia dar, a maioria proxima demais de qualquer um que venha a ler estas linhas, outros talvez dentro dos próprios leitores.

Continuar lendo