Os Três Iniciados – parte 2

Segue então a biografia relativa do segundo dos três iniciados, autores do livro O Caibalion:

Paul Foster Case ( 3 de Outubro de 1884 – 2 de Março de 1954), foi um ocultista americano do início do século XX, autor de vários livros sobre tarot e qabalah. Talvez suas maiores contribuições para o campo do ocultismo foram as lições que escreveu para os membros do B.O.T.A. (Builders of the Adytum – Construtores do Santuário). O conhecimento dado aos membros iniciados nos capítulos do B.O.T.A. são igualmetne profundos, embora a distribuição limitada o fez menos conhecido.

Nasceu em Fairport, New York. Seu pai era o bibliotecáriod a cidade e diácono na igreja Congregacional local. Aos 5 anos iniciou aulas de piano e órgão com sua mãe e na juventude Case foi organista na igreja de sua familia. Músico talentoso, embarcou em uma bem sucedida carreira como violinista e regente de orquestra.

Atraído cedo pelo oculto, relatou, ainda criança, experiências do hoje são chamados sonhos lúcidos (Lucid Dreaming, no original). Case se correspondia sobre essas experiências com Rudyard Kipling, que o encorajava sobre a validade de saus atividades paranormais.

No anod e 1900, Case conheceu o ocultista Claude Bragdon e enquanto ambos estavam se apresentando para a caridade, Bragdon perguntou a Case se ele conhecia a origem das cartas de jogos. Depois ao prosseguir a questão na biblioteca de seu pai, Case descobriu uma ligação com o tarot, chamado “The Game of Man” iniciando assim o que viria ser a vida de Case em seus estudos sobre tarot, levando a criação do deck de tarot para o B.O.T.A., uma versão “corrigida” do tarot de Rider-Waite.

Entre 1905 e 1908 (dos 20 aos 24 anos), Case iniciou-se nas práticas da Yoga, Pranayama em aprticular, pelas fontes publicadas que estavam disponíveis na época. Suas preimeiras experiências parecem ter-lhe causado dificuldades mentais e psicolóicas, deixando com a preocupação, por toda a vida, que a prática do oculto deve ser feita com a devida orientação e treinamento.

No verão de 1907, Case leu The Secret of Mental magic, de William W. Atkinson, o que o levou a se corresponder com o novo autor. Conheceu Michael James Whitty em 1918, editor da revista Azoth e servia como Cancellarius para a Loja Thoth-Hermes da Alpha et Omega, grupo formado por SL MacGregor Mathers em 1906 após a queda da Golden Dawn em 1903. Whitty convidou Case para se juntar a Loja que estava sob jurisdição direta da Loja Mãe em paris. Case subiu rapidamente nos graus rosacruzes (na True and Invisible Rosicrucian Order), seu moto era Perseverantia.

Whitty republicou suas chaves para o tarot (com correções) em Azot. Case se tornou Sub-Praemontrator (Assistente de Instrutor chefe) na Loja Thoth-Hermes. Durante esse ano terminou um conjunto de artigos sobre as origens místicas Rosacruzes de Fausto e publicados por Whitty. No ano seguinte, começou a se corresponder com Dr. John Willia, Brodie-Innes (Fr Sub Spe).

Entre 1919 e 1920, Case e Whitty colaboraram para o desenvolvimento do textoq eu viria a ser publicado como The Book of Tokens. Este livro foi escrito como um texto recebido, quer através da meditação, ou por outros meios. Mais tarde ditando a fonte ao Mestre R. Em 16 de maio de 1920 Case foi iniciado na Alpha et Omega’s Second Order. Três semanas mais tarde, de acordo com a biografia de Case na página da Golden Dawn, foi nomeado Third Adept.

Em dezembro de 1920 Whittby vem a falecer. Case acredita que os problemas de saúde de Whitty eram atribuidas aos perigos que surgem ou podem surgir com a prática de magia Enochiana. Mais tarde correspondeu-se com Israel Regardie sobre essas preocupações.

Case morreu enquanto estava de férias no México com sua segunda esposa, Harriet. Suas cinzas estão na Forest Lawn Memorial Park, em Glendale, Califórnia.

Bibliografia:

Artigos –

– Artigo sobre tarot em “The Word” (1916)
-Artigo sobre tarot (revisado) na Azoth Magazine (1918)

Livros –

The Kybalion (Caibalion) (1912)
The Kybalion (1912) [with William A. Atkinson]
An Introduction to the Study of the Tarot (1920)
A Brief Analysis of the Tarot (1927)
The True and Invisible Rosicrucian Order (1927)
Correlations of Sound & Color (1931)
The Highlights of Tarot (1931)
The Book of Tokens (1934)
The Great Seal of the United States (1935)
Progressive Rotascope (1936)
Tarot Fundamentals 4 volumes (1936)
Tarot Interpretations 4 volumes (1936)
The Open Door (1938)
The Tarot: A Key to the Wisdom of the Ages (1947)
Daniel, Master of Magicians
The Masonic Letter G
The Name of Names

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s